DETRAN - Departamento Estadual de Trânsito
Postos de atendimento do Detran fecham depois do Natal e Ano Novo PDF Imprimir E-mail
Escrito por Assessoria de Comunicação do Detran-PB   
Seg, 21 de Dezembro de 2015 09:49

Em função dos feriados de Natal e Ano Novo, os postos de atendimento do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) não vão funcionar neste sábado (26) e no próximo (2). O atendimento ao público retorna normalmente na segunda-feira seguinte (28/12 e 4/1).

Em João Pessoa, estarão fechados os postos do Detran do Shopping do Automóvel e do Carro Legal, na BR-230. Em Campina Grande, também não haverá expediente na 1ª Ciretran.

Durante os feriados, as ações do Detran estarão concentradas na segurança da população, através da Operação Lei Seca, que vai realizar blitzen em diversos postos do estado, utilizando etilômetros descartáveis para aplicar testes de alcoolemia e viaturas equipadas com computadores interligados ao banco de dados do Detran para verificação de documentação de veículos e dos condutores.

 
Proprietários de “cinquentinhas” têm até dia 31 para regularizar a situação dos veículos PDF Imprimir E-mail
Escrito por Assessoria de Comunicação do Detran-PB   
Sáb, 19 de Dezembro de 2015 12:43

Os proprietários de motocicletas “cinquentinhas” têm até 31 de dezembrodeste ano para realizarem o registro e o licenciamento de seus ciclomotores, de acordo com a portaria de nº 251/15 do Departamento Estadual de Trânsito da Paraíba - Detran-PB. Mais de 6000 veículos do tipo já foram emplacados em todo o estado.

Para emplacar, é necessário apresentar original e cópia da nota fiscal do veículo ou de documento que comprove a transferência, ou seja, cópia e original do recibo de compra e venda devidamente assinado e com firma reconhecida. Também é necessária a cópia e original do RG, CPF e comprovante de residência. Se pessoa jurídica, cópia autenticada do Contrato Social e CNPJ.

O registro e o licenciamento das “cinquentinhas” podem ser feitos na sede do Detran no bairro de Mangabeira, nos postos de atendimento do Valentina Figueiredo, Shopping do Automóvel, Shopping Carro Legal e nas Ciretrans distribuídas pelo Estado.

Segundo o diretor de operações, Orlando Soares, é imprescindível que os donos desses veículos se conscientizem quanto ao cumprimento do prazo. “Os usuários devem regularizar a situação de suas cinquentinhas dentro do prazo estabelecido pelo órgão, tendo em vista que os proprietários que não realizarem esses procedimentos estarão sujeitos à multa e recolhimento de seus veículos”, alertou. O diretor disse ainda que “os proprietários que perderem o prazo por estarem aguardando o cadastro na BIN por parte dos fabricantes devem evitar circular em seus veículos até concluir todo o processo”.

Procedimento para Registro - O primeiro passo é o comparecer no atendimento exclusivo do Detran para ciclomotor, onde será verificada a autenticidade da nota fiscal e a existência de cadastro do ciclomotor no Denatran. Caso o veículo não possua cadastro no Renavan, o proprietário será orientado a solicitá-lo junto à concessionária. Se a revenda não estiver mais ativa, o interessado deverá procurar outra loja da mesma bandeira ou o fabricante. O procedimento seguinte é a vistoria veicular, emissão e o respectivo pagamento das taxas. Por fim é feita a colocação da placa.

Os proprietários podem tirar todas as dúvidas acerca dos procedimentos necessários para o emplacamento no passo-a-passo disponível no site do Detran: www.detran.pb.gov.br.

 
Detran e 2ª CPTran realizam leilão de veículos em Guarabira na próxima sexta PDF Imprimir E-mail
Escrito por Assessoria de Comunicação do Detran-PB   
Seg, 30 de Novembro de 2015 10:45

O Departamento Estadual de Trânsito da Paraíba (Detran-PB), em parceria com a 2ª CPTran, realizará, na próxima sexta-feira (4), um leilão para a venda de veículos recuperáveis e sucateados que se encontram recolhidos ao pátio da Companhia. O leilão terá início às 8h e acontecerá na Universidade Estadual da Paraíba, situada na PB 75 – Km 01, no bairro Areia Branca, em Guarabira.

O cadastro para participação no evento pode ser feito no site do leiloeiro (www.leiloespb.com.br) ou no local do evento, com antecedência mínima de uma hora, portando os documentos pessoais e o comprovante de residência. Caso seja pessoa jurídica, é necessária a apresentação do CNPJ e documentos pessoais do representante da empresa.

O arrematante poderá efetuar o pagamento através de cheque ou à vista (em dinheiro, transferência ou depósito). No caso de pagamento em cheque, terá que ser próprio e nominado ao leiloeiro, e sendo à vista, a quitação inicia com uma entrada de 20%. Nas duas formas de pagamento, serão acrescidos 5% a título de comissão e mais 17% de ICMS se sucata ou 1% no caso de veículo recuperável.

Segundo o presidente da Comissão de Leilão do Detran-PB, Eugênio Pacelli, a parceria firmada entre o Detran-PB e a BPTran é de suma importância na elaboração de estratégias para diminuir a superlotação nos pátios. “Os órgãos vêm realizando leilões de forma periódica em todo o Estado e mais de 1.800 veículos já foram disponibilizados para arremate apenas esse ano”, destacou.

Os interessados poderão verificar as condições dos veículos a partir desta segunda-feira (30), das 8h às 11h e das 14h às 16h30. A visitação permanecerá aberta, nos dias úteis, até o dia 3 de dezembro, véspera da realização do evento. A inspeção é exclusivamente visual, sendo vetado o manuseio, experimentação e a retirada de peças dos veículos expostos.

A propriedade e a posse dos veículos automotores serão transferidas, de maneira livre e desembaraçada de todos e quaisquer ônusno estado de conservação em que se encontram, não cabendo, em nenhuma hipótese, ao Detran-PB qualquer responsabilidade quanto à conservação ou reparo.

Condições dos veículos - Os veículos considerados recuperáveis poderão voltar a circular, desde que o arrematante tome todas as providências necessárias, no prazo e forma exigidos pelo Código de Trânsito Brasileiro e resoluções elencadas no edital, para colocá-los novamente em circulação. Já veículos considerados como sucateados, ou seja, irrecuperáveis ou definitivamente desmontados, não poderão voltar a circular em vias públicas, devendo ter seus registros baixados no Renavan – Registro Nacional de veículos Automotores e não podendo ser registrados ou licenciados no Detran-PB.

 
Detran-PB e BPTran disponibilizam 434 veículos para leilão nesta sexta PDF Imprimir E-mail
Escrito por Assessoria de Comunicação do Detran-PB   
Qui, 17 de Dezembro de 2015 10:02

O Departamento Estadual de Trânsito da Paraíba (Detran-PB), em parceria com o Batalhão de Policiamento do Trânsito (BPTran), realizará, nesta sexta-feira (18), leilão para a venda de veículos que se encontram recolhidos ao pátio do Batalhão. O evento terá início às 8h e acontecerá no Centro de Ensino da Policia Militar da Paraíba, situado na rua Coronel Francisco de Assis Veloso, s/n , bairro de Mangueira, em João Pessoa.

Serão leiloados 434 veículos recuperáveis e sucateados. Os veículos considerados recuperáveis poderão voltar a circular, desde que o arrematante tome todas as providências necessárias, no prazo e forma exigidos pelo Código de Trânsito Brasileiro e resoluções elencadas no edital. Já veículos considerados como sucateados, ou seja, irrecuperáveis ou definitivamente desmontados, não poderão voltar a circular em vias públicas, devendo ter seus registros baixados no Registro Nacional de Veículos Automotores - Renavam e não podendo mais ser registrados ou licenciados no Detran-PB.

O cadastro para o evento pode ser feito no site do leiloeiro (www.leiloespb.com.br) ou no local do leilão, com antecedência mínima de uma hora, com a apresentação dos documentos pessoais e o comprovante de residência. Caso seja pessoa jurídica, é necessária a apresentação do CNPJ e documentos pessoais do representante da empresa. Os interessados podem consultar o edital do leilão no site do Detran-PB, por meio do endereço eletrônicowww.detran.pb.gov.br.

A inspeção visual dos veículos poderá ser feita pelos interessados no horário das 8h às 11h e das 14h às 16h de 14 a 17 de dezembro, na sede do BPTran, localizada na rua Pereira Pacheco s/n – bairro do Roger, João Pessoa. A inspeção é exclusivamente visual, sendo vetado o manuseio, experimentação e a retirada de peças dos veículos expostos.

O arrematante poderá efetuar o pagamento por meio de cheque ou à vista (em dinheiro, transferência ou depósito). No caso de pagamento em cheque, terá que ser próprio e nominado ao leiloeiro, e sendo à vista, a quitação inicia com uma entrada de 20%. Nas duas formas de pagamento, serão acrescidos 5% a título de comissão e mais 17% de ICMS se sucata ou 1% no caso de veículo recuperável.

Segundo o presidente da Comissão de Leilão do Detran-PB, Eugênio Pacelli, a estratégia de leilões rotineiros adotada pelo Detran-PB e BPTran é peça chave para contribuir com a diminuição da superlotação nos pátios. “Esse foi um ano de extrema importância para o Detran e Companhias de Trânsito da Paraíba. Contando com os veículos disponíveis para o leilão de sexta-feira, são quase 2.300 veículos disponibilizados para arremate só em 2015”, comentou. Ainda segundo o presidente, o Detran-PB inicia 2016 com a perspectiva de realização de leilões mais frequentes, não só na capital, mas nas Companhias e Ciretrans espalhadas por todo o estado.

 

 

 

 
Operação Lei Seca notifica 45 condutores durante fim de semana na Capital PDF Imprimir E-mail
Escrito por Assessoria de Comunicação do Detran-PB   
Seg, 23 de Novembro de 2015 11:35

As equipes de fiscalização da Operação Lei Seca, em blitzen realizadas durante o fim de semana nos principais corredores da Capital, notificaram 45 condutores por dirigirem sob efeito de álcool. Entre os condutores notificados, três foram conduzidos até a delegacia pelo consumo excessivo, caracterizado como crime de trânsito.

Durante as ações foram abordados 298 veículos dos quais 18 foram removidos por apresentarem irregularidades. As blitzen resultaram ainda na apreensão de 37 carteiras de habilitação.

Segundo o chefe de Divisão de Policiamento e coordenador estadual da Operação Lei Seca, Ricacio Cruz, são ações como essas que minimizam a incidência de acidentes e colaboram com a educação para a segurança do trânsito. “Buscamos, com esses resultados, minimizar os índices de acidentes de trânsito e aplicar a lei aos condutores infratores que insistem nessa combinação letal entre álcool e direção”, afirmou Ricácio.

Proprietários de veículos flagrados sob condução de motorista alcoolizado devem pagar multa de R$ 1.915,00 e o condutor responde processo administrativo para a cassação da Carteira Nacional de Habilitação por um ano. Em caso de reincidência, o dono do veículo pagará multa de R$ 3.860 e o condutor responderá ao processo administrativo para a cassação da CNH pelo período de dois anos.

 
«InícioAnterior11121314151617181920PróximoFim»

Página 13 de 84